Angeliño Tasende

Angeliño Tasende

Angeliño Tasende, ou apenas Angeliño, é um lateral esquerdo espanhol que atua na primeira liga holandesa ao serviço do PSV Eindhoven. Nasceu a 4 de janeiro de 1997 e formou-se nos espanhóis do Deportivo. Depois ainda como júnior assinou pelos ingleses do Manchester City desde 2013 até 2015, ano em que foi emprestado ao New York City FC. Regressou a Inglaterra mas a experiência no City não durou muito, sendo emprestado depois ao Mallorca em 2016/2017 depois de uma experiência de um mês ao serviço do Girona onde nem chegou a jogar. Na temporada passada, os ‘citizens’ emprestaram o jovem de 21 anos ao NAC Breda onde se destacou com 35 partidas 3 golos. Estes números fizeram com que os responsáveis do PSV não hesitassem esta época para a contratação definitiva do lateral espanhol. Apontámos o lateral espanhol como uma das promessas da Liga dos Campeões desta temporada aqui.

Trata-se de um atleta altamente eficaz nas transições ofensivas da equipa e no um-para-um no último terço. Jogador bastante ágil e rápido, é um “verdadeiro ala”, fazendo todo o corredor esquerdo desde a defesa até ao ataque. É, por isso, um jogador que explora bem a profundidade e, nesse contexto, tem claras facilidades em criar espaços.

Os aspetos positivos são claramente superiores aos negativos. Dos primeiros destaca-se a sua elevada capacidade técnica que combina com um excelente jogo físico. Apresenta uma elevada resistência, rodando a alta velocidade durante a condução e transição ofensiva. É ainda detentor de bons cruzamentos para a área.

Quanto aos negativos, a observação feita mostra que o jogador apresenta algumas dificuldades na transição defensiva. Demonstra ainda lacunas ao nível da marcação e do desarme. Não é pela sua rapidez que este lateral espanhol não faz bem esse recuo nas alturas de maior aflição do PSV; trata-se, sobretudo, de uma limitação que reside na sua mentalidade tática, uma vez que se projeta sistematicamente no plano ofensivo. É um aspeto que facilmente melhorará no futuro. Mas enquanto isso não acontece trata-se de uma característica a ser explorada pelas equipas adversárias que procuram os espaços criados pelas subidas de Angeliño no corredor.

O jovem lateral destaca-se pela sua capacidade de passe com 82% de eficácia média nas últimas 20 partidas, com mais de 50 passes por encontro. Nos cruzamentos a sua taxa de sucesso é de 41%, com 3,8 por jogo. É nos dribles onde apresenta melhores números com 3,2 tentativas em cada jornada com 65% de eficácia. Pela sua estatura física (176 cm e 68 kg) é um jogador limitado no jogo aéreo como comprovam os números de apenas 57% dos duelos aéreos ganhos. No capítulo defensivo tem de crescer ainda no momento do desarme com 58% de sucesso nos duelos que disputa.

Em suma, Angeliño é um jogador a despontar no futebol holandês e no panorama europeu. A sua idade ainda precoce (tem apenas 21 anos) tornam a sua margem de progressão ainda considerável. De destacar que o PSV Eindhoven integra o Grupo B da edição 2018-19 da UEFA Champions League juntamente com o gigante Barcelona, o Tottenham e o Inter de Milão. Mais uma montra para que o lateral espanhol se mostre e evidencie.

Sobre o Autor

Simão Mata

Apaixonado por futebol desde sempre, nunca largou o “bichinho” da análise tática do jogo nem a observação de jogadores talentosos e promissores. Em criança, num Mundo onde a internet não tinha o valor que tem hoje, encontrava nos jogos de Manager o espaço para implementar as suas reflexões táticas. Mais do que um jogo, o Simão considera o futebol uma autêntica arte de palco.

Artigos relacionados