Menu Fechar

CF Benfica conquista vitória em cima do minuto 90

A última jornada da Liga BPI opôs o CF Benfica mais conhecido por Fofó à equipa sensação, o Ouriense. As equipas partiam para o jogo com os mesmos pontos e uma vitória levaria automaticamente ao terceiro lugar isolado. Esperava-se um bom jogo de futebol com a equipa da casa a dar continuidade ao bom futebol que têm vindo a praticar, assim como a equipa do Ouriense que tem vindo a surpreender quer nos resultados, quer na prática do bom futebol.

As duas equipas apresentaram-se num esquema de 4x3x3.

A nível ofensivo a equipa da casa tentava jogar sempre em posse, chegar à baliza adversária através de construção desde trás. A este nível mostraram uma boa capacidade para trocar bola, quer nos corredores laterais quer pelo corredor central. No entanto sempre que conseguiam recuperar bola tentavam sair em transição de modo a apanhar a equipa contrária em desvantagem. Defensivamente o Fófó pressionava em bloco médio-alto e compacto, conseguindo recuperar bolas em todas as partes do terreno, principalmente nos corredores do setor intermédio (figura 1).

Seguindo alguns padrões do seu adversário, o Ouriense tentava ter bola sempre que lhes era permitido, dando assim seguimento ao bom futebol que nos tem mostrado. Apesar de na maior parte das vezes conseguirem sair a jogar desde trás, neste jogo, perderam algumas bolas perto da sua baliza que poderiam ter custado golo. Conseguiam chegar ao último terço do terreno, mas, no entanto, não criavam muitas situações para finalização. A nível defensivo, inicialmente estavam com bloco mais baixo, esperando no seu meio-campo, mas à medida que o tempo foi aumentado começaram a subir linhas e a pressionar mais alto.

O marcador sofreu alterações quando por volta da meia hora de jogo, através de um livre, Edite deu vantagem à equipa da casa. Com o golo, a equipa do Ouriense procurou atacar mais para tentar chegar ao golo do empate antes do intervalo, o que chegou mesmo a acontecer. Na sequência de um canto a favor da equipa visitante, Daniela Pereira fez de cabeça ao minuto 43 o golo do empate. Lance onde a defesa da casa deveria ter feito melhor pois a jogadora adversária cabeceou numa zona com 4 jogadoras adversárias.

Foi um jogo bastante equilibrado em termos de posse de bola, com as duas equipas a não terem medo de assumir o jogo sempre que tinham bola. Curiosamente as duas equipas, embora jogassem tanto em largura como em profundidade, usavam mais os corredores laterais para jogarem do que propriamente o corredor central (figura 2 e 3).

Perto do fim, num ataque rápido, a equipa do Fófó acabou por chegar ao 2-1 por Andreia Silva, num lance onde a equipa da casa teve a estrelinha da sorte na maneira como marcou o golo. Embora tenha sido um jogo equilibrado, a vitória ajusta-se tendo em conta o maior número de oportunidades criadas pelo Fófó. Com esta conquista, isolam-se no 3º lugar, com mais 3 pontos que o 4º classificado (Ouriense) e menos um jogo.