Menu Close

Ivan Lepinjica: o protótipo de 6 moderno

A posição de médio defensivo (conhecida como 6) tem sido uma das que tem evoluído mais nos últimos anos. Os tempos do trinco ou médio destruídor estão quase ultrapassados, e ao mais alto nível esta posição requer um leque de características com bola que não faziam parte das responsabilidades dos pivots defensivos há 15 anos atrás.

Pela Croácia, no HNK Rijeka, dei de contas com um jovem talento de 20 anos que se enquadra na linha do médio defensivo moderno. Ivan Lepinjica é internacional pelas camadas jovens croatas, foi subindo nos escalões do Rijeka e é, já há um ano, aposta clara da equipa A do clube que se encontra no 2º lugar da classificação da HNL.

MOMENTO DEFENSIVO

Sem bola, tem a capacidade de se posicionar muito bem e de ler o jogo no momento de transição para evitar ataques perigosos dos adversários. Equilibra a equipa, domina o espaço central à frente da linha defensiva, e com a sua passada larga oferece coberturas aos colegas de equipa no corredor lateral.

É um jogador muito forte pelo ar, e com uma mobilidade e coordenação fora do normal para alguém com 1,90m de altura. A sua leitura de jogo no momento defensivo torna-o muito importante no momento defensivo da equipa.

MOMENTO OFENSIVO

O físico do jogador salta logo à vista, mas a maneira como se sente confortável com bola, como roda sobre si próprio e consegue driblar entre adversários quando está sob pressão é esteticamente impressionante.

Com bola, Lepinjica oferece qualidade na construção, utilizando o passe curto, variações longas, mas também aproveita os metros oferecidos pelos adversários para atacar o espaço através do drible. É raro vê-lo perto da área contrária, mas torna-se perigoso nas bolas paradas ofensivas através do seu poderio no jogo aéreo.

Na saga dos médios croatas

Temos assistido a um aumento de qualidade nos jogadores croatas, principalmente na zona do meio-campo. Lepinjica faz parte da nova escola de talentos dos vice-campeões mundiais, e promete chegar brevemente à seleção A do seu país.

Na sua primeira época completa no Rijeka, o interesse de clubes ingleses parece intensificar-se, com scouts de Tottenham, Leeds, Chelsea ou West Brom a serem presença regular nos estádios croatas. Numa altura em que ainda está avaliado em 1 milhão de euros, torna-se um alvo apetecível para clubes do big-5. Assista aos melhores momentos do craque croata no vídeo abaixo: