Menu Close

Jan Vertonghen chega ao Benfica de Jorge Jesus, num negócio que vem comprovar a forte aposta do clube da Luz em jogadores sonantes e com um nível de rendimento muito elevado para a realidade do futebol português. Formado no Ajax, o central belga passou os últimos 8 anos da carreira ao serviço do Tottenham, sendo um dos pilares da defesa. Numa fase já avançada da carreira, Vertonghen procura um novo desafio, abraçando assim o projeto do Benfica que pretende aliar a juventude do Seixal a jogadores mais experientes que ofereçam garantias de sucesso imediato a Jorge Jesus. Tem 118 internacionalizações pela seleção belga, tendo feito parte da excelente campanha no Mundial 2018, que culminou com a chegada à meia-final da prova.

É um central esquerdino, com elevada preponderância na construção de jogo. Seguro e tranquilo com bola, dando geralmente boa sequência às jogadas da equipa e é especialmente forte no passe longo. Com 1,89m, destaca-se a capacidade que demonstra no jogo aéreo, sendo importante não só em ações defensivas, mas também pela importância em lances de bola parada ofensiva. Ao longo da carreira, jogou ainda como defesa esquerdo, no entanto, devido à natural perda de algumas valências físicas, a posição mais natural será a de defesa central esquerdo.

Vertonghen é um valor seguro e promete ser uma referência para a posição de defesa central no futebol português, dos últimos largos anos. Confirmando-se a permanência de Rúben Dias no plantel, Jorge Jesus garante segurança e estabilidade no centro da defesa, vendo as probabilidades de reconquistar o título nacional serem fortemente reforçadas.