Menu Fechar

Jogadores a seguir Brasileirão 2019

Atlético MG

Igor Rabello – Zagueiro – 23 anos

O zagueiro de 23 anos foi uma das contratações surpresas do Atlético MG. Chegou vindo do Botafogo a troco de 3 milhões de euros. Hoje já é uma certeza no Brasileirão pelas temporadas que fez mas ainda é um jovem de 23 anos. Igor Rabello é um zagueiro forte fisicamente (1,91m e 87kg) que raramente perde um duelo aéreo. Excelente sentido posicional, forte no desarme e marcação e procura jogar na antecipação. Pela sua estatura física é um zagueiro muito forte nos lances de bola parada.

Avaí

Feliciano Brizuela – Ponta – 22 anos

Do Paraguai directamente para Florianópolis. O extremo de 22 anos pode ser um dos destaques do time do Avaí que tem como objectivo garantir a manutenção no Brasileirão 2019, depois da subida de divisão. Esta temporada já conquistaram o Catarinense onde Brizuela foi titular na final frente à Chapecoense. É um ponta direito muito explosivo, agressivo e rápido na conquista dos espaços, bom tecnicamente. Um driblador que gosta de enfrentar os adversários e sair no 1×1. Apresenta boa capacidade de passe e cruzamento. É um jogador de baixa estatura física e imprevisível nas suas acções o que faz com que os oponentes tenham dificuldade em marcá-lo.

Bahia

Ramires – Meia – 20 anos

À semelhança do homónimo que jogou, por exemplo no SL Benfica e Chelsea, é um box-to-box incansável, com grande agressividade na pressão, bom no desarme e no posicionamento em organização defensiva. Com bola no pé é fácil no drible e com grande capacidade de passe (especialmente no passe longo). Em 2018 fez 15 jogos no Brasileirão, onde marcou 1 golo e assistiu para 3. Em princípio será um dos integrantes da seleção olímpica de 2020.

Botafogo

Erik – Atacante – 24 anos

Em agosto de 2018 foi emprestado pelo Palemeiras ao Botafogo. Por ser peça importante da equipe, Erik foi novamente emprestado ao Botafogo até ao final de 2019. O atacante atua pelo lado direito e é facilmente reconhecido pela sua baixa estatura (1,70m). Com um drible rápido e capacidade de aceleração, gosta de partir para cima do defesa e ultrapassá-lo em velocidade. Usa preferencialmente o pé direito, mas também é muito hábil com o pé esquerdo, a que recorre para o drible e remate. A finalização também é um dos seus pontos fortes, sendo que soma 12 gols em 35 jogos pelo Botafogo, pelo que pode jogar a centroavante dada a escassez de jogadores para essa posição no elenco.

Ceará

Leandro Carvalho – Ponta – 23 anos

O ponta de 23 anos voltou ao Ceará mas desta vez em definitivo, depois de dois empréstimos. O extremo que pode jogar nas duas faixas é um dos destaques do time de Enderson Moreira. Um atleta veloz, evoluído tecnicamente e com grande capacidade de passe e finalização. Leandro é destro mas remata com facilidade com os dois pés. Pode actuar na direita ou na esquerda e a sua capacidade de drible e imprevisibilidade são duas das suas principais armas. Esta temporada já fez 9 partidas e 2 gols pelo Ceará.

Athletico Paranaense

Renan Lodi – Lateral Esquerdo – 20 anos

Já associado a grandes emblemas europeus como Juventus, Manchester City ou FC Porto, Renan é um dos melhores prospects nesta posição a aparecer no Brasil nos últimos tempos. É muito veloz e com boa resistência, permitindo-lhe poder dar conta de todo o flanco esquerdo. A boa capacidade no drible e no cruzamento fazem dele um dos principais desiquilibradores do CAP.

Chapecoense

Tiepo – Goleiro – 21 anos

O jovem formado na Chapecoense procura a sua oportunidade no time principal e pode beneficiar da ausência dos outros goleiros. Tiepo já alinhou em 6 partidas esta temporada e tem vindo a mostrar que é um jogador com futuro. Apresenta bom sentido posicional, rápido e com excelentes reflexos e com uma reposição longa e com critério. Apresenta algumas fragilidades nos cruzamentos no que toca ao tempo de salto e de ataque na bola. Tiepo vai ser titular nos primeiros jogos da Chapecoense no Brasileirão e pode muito bem ser uma peça importante esta temporada.

Corinthians

Gustavo – Centroavante – 25 anos

30 gols em 45 jogos pelo Fortaleza foram suficientes para Gustagol regressar ao Corinthians depois de um empréstimo de muito sucesso. É um atacante de referência. É alto (1,89m), forte no jogo aéreo e com grande impulsão. Além disso também possui uma excelente técnica de cabeceamento. Gustavo é um atleta com forte presença psicológica. Nunca desiste dos lances e tem vindo a evoluir muito desde o último ano. Fisicamente é um jogador muito difícil de marcar mas apesar da sua altura também é um centroavante veloz e com capacidade técnica assinalável. Remata bem com os dois pés e dentro da grande área não hesita em finalizar.

Cruzeiro

Lucas Romero – Volante – 25 anos

O meio campo defensivo da time de Belo Horizonte está entregue ao pequeno argentino de Loma Hermosa. Fez toda a sua carreira na américa do sul, mas só nos últimos tempos se assumiu como um dos nomes a ter em conta na sua posição. É definitivamente um jogador a ter em conta pela quantidade de bolas que recupera e a sua importância na segunda fase de construção, quer em passes longos para as costas da defesa contrária ou a jogar simples no colega mais próximo. Romero ganha em média 59% dos seus duelos aéreos, algo impressionante para alguém da sua estatura (1,67m), confirmando o seu excelente timing no ataque à bola. Com 25 anos, tem tudo para ser uma das referências deste Brasileirão.

CSA

Matheus Sávio – Meia – 22 anos (Emp. Flamengo)

Depois de apenas alguns jogos no Flamengo, Matheus Sávio foi emprestado ao Estoril Praia de Portugal, mas não teve sucesso no clube português. Voltou ao Brasil para ser emprestado ao Centro Sportivo Alagoano, pelo qual soma 18 jogos e 3 gols. Matheus é um meia atacantee tem no passe a sua maior arma. O camisa 10 é o tipo de jogador que gosta de servir com bons passes de rutura e opta sempre pela melhor solução de passe, mesmo quando este tem de ser longo, pois tem uma visão de jogo acima da média. Poderá ainda jogar como atacante pelos dois lados, mas perde algumas das suas qualidades nessas posições. Ainda não parece estar preparado para ser figura no seu clube de origem.

Flamengo

Gabriel Barbosa – Centroavante – 22 anos

Chegar, ver e vencer. Gabigol não teve uma vida fácil na Europa. No SL Benfica jogou 5 jogos e marcou 1 gol, mas nas dificuldades aparecem as maiores oportunidades e foi isso que o Santos fez. Garantiu o seu empréstimo e Gabigol mostrou ser um dos melhores centroavantes brasileiros. Foi o artilheiro do Brasileirão 2018 com 18 gols. No total de 52 partidas apontou 27 gols. Hoje, no Flamengo, é um dos destaques do time e procura repetir o feito da temporada passada. É um atleta veloz, com grande capacidade técnica, forte na finalização e com qualidade no passe. Pode jogar nas pontas ou como centroavante. É a referência ofensiva do time e este ano em 16 jogos leva 9 gols.

Fluminense

Pedro – Centroavante – 21 anos

Estamos perante um atacante muito forte fisicamente, sendo esta a principal característica do seu jogo. É um jogador inteligente, com boa leitura de jogo, recuando muitas vezes da posição de pivô para dar apoios frontais aos seus companheiros, levando consigo o zagueiro adversário, segurando a bola, utiliza da melhor forma possível as suas características físicas. É rápido a dirigir-se para sua posição de referência de área e estar sempre presente na finalização da jogada. O atacante não conta só com o seu físico e inteligência de movimentos para ganhar um lugar no 11 do seu time, ainda tem um faro pelo gol muito apurado (19 gols marcados na última temporada) e qualidade no drible sobre os zagueiros.

Fortaleza

Júnior Santos – Centroavante – 24 anos

O Fortaleza foi o campeão da Série B em 2018. Hoje sem o seu melhor artilheiro, Gustavo que está no Corinthians e é um dos nossos destaques neste artigo, Rogério Ceni teve de encontrar novas soluções e a aposta não podia ter corrido melhor. Júnior Santos chegou do Ponte Preta e em 17 partidas já leva 10 gols. É um centroavante muito possante e forte fisicamente (1,88m). É um atleta com excelente capacidade técnica, forte no jogo aéreo e rápido. Pode atacar o espaço em profundidade ou jogar como referência ofensiva. Tem um bom sentido posicional e sabe onde deve atacar a bola dentro da área. Muito forte na finalização com os dois pés e de cabeça.

Goiás

Léo Sena – Volante – 23 anos

Como poucos, consegue fazer passes de rutura a curta/longa distâncias deixando os companheiros isolados na cara do gol e consegue ainda rodar o lado de ataque através de passes longos que vão desde um corredor até ao outro, sempre com grande precisão e assertividade. Iniciou posicionado atrás do centroavante do time, mas com o passar do tempo foi recuando no campo para poder armar e participar na construção de jogo desde trás, pois não gosta de jogar dentro da área ou perto dela. Consegue ainda, mesmo quando pressionado, sair a jogar com recurso à sua técnica, drible e transporte de bola. Desengane-se quem vê Léo apenas como um jogador atacante, pois ajuda muito no processo defensivo, pressionando adversários, desarmando e roubando bolas.

Grémio

Jean Pyerre – Meia – 20 anos

Meia de cariz ofensivo, é uma das grandes revelações deste início de temporada. Na Libertadores já leva 5 jogos, onde contribuiu com 1 golo e 1 assistência. Boa estatura e agilidade, destaca-se essencialmente pela qualidade de passe e visão de jogo. No último terço é um jogador muito perigoso no remate de meia distância. Pode melhorar na agressividade defensiva.

Internacional

Nico López – Ponta/Atacante – 25 anos

Após uma passagem com pouco sucesso pelo Velho Continente, Nico López é o principal artilheiro da time, dada a facilidade com que atira a contar. É através do seu pé esquerdo que o camisa 7 do Internacional cria todas as situações de perigo para as redes contrárias, sejam elas com portentosos remates em zona frontal, assistindo ou mesmo por incursões no corredor. Dotado de uma qualidade técnica acima da média, privilegia a bola no pé por forma a evitar o jogo aéreo (tem apenas 1,79m). Assim, com 25 anos, é o uruguaio a maior arma dos comandados de Odair Hellmann e conta já com 3 gols e 3 assistências em 5 jogos da Copa Libertadores.

Palmeiras

Gustavo Gomez – Zagueiro – 25 anos (Emp. AC Milan)

Após ser um dos destaques do Lanús da Argentina ganhou a confiança do AC Milan, que partiu para a sua contratação por 9M€ na temporada 16/17. Não conseguiu, no entanto, demonstrar em Itália todo o potencial que lhe era augurado. Chega ao Palmeiras por empréstimo a meio da temporada de 2018, onde rapidamente se afirma e torna-se num jogador essencial para Felipão na caminhada até ao título. É concentrado, veloz, bom no controlo da profundidade e na capacidade na 1ªa fase de construção.

São Paulo

Pablo – Centroavante – 26 anos

Depois de uma temporada de sucesso no Athletico Paranaense com 18 gols em 51 jogos, Pablo chegou a São Paulo com o estatuto de transferência mais cara do time. O centroavante brasileiro é um jogador diferenciado e evoluído taticamente. É um atleta versátil, pode jogar também nas pontas ou como meia atrás do atacante. Pressiona alto e está constantemente em movimento a procurar linhas de passe para ligar o jogo. Destaca-se também pela sua capacidade de finalização e qualidade de passe. Com 1,85m apresenta muita qualidade na forma como encontra espaços para cabecear.

Santos

Soteldo – Ponta – 21 anos

Depois de ter mostrado toda a sua qualidade no Mundial sub-20 na Coreia do Sul, onde levou a seleção venezuelana à final da competição, Soteldo muda-se do Huachipato para o Santos, onde procurará impor-se no time treinado por Jorge Sampaoli. O armador de jogo é um jovem com elevadíssimo recorte técnico, com bastante qualidade de passe e uma impressionante visão de jogo. A sua capacidade de definir o último passe é um dos seus maiores atributos. Também tem muita qualidade a atuar na ponta, desequilibrando por via do seu drible, e demonstra toda a sua técnica e habilidade quando procura o corredor central. A sua baixa estatura deixa-o exposto a momentos mais físicos do jogo, mas na vertente técnica do jogo, é dos jogadores mais talentosos do Brasileirão.

Vasco da Gama

Marrony – Atacante – 20 anos

O atacante tem evoluído imenso nos últimos meses. No campeonato carioca foi titular indiscutível, ajudando o Vasco com 5 gols nessa competição. As suas exibições valeram-lhe a renovação de contrato e a sua cláusula de rescisão escalou para os 35M€. Atacante completo. Rápido, bom finalizador no 1×1, com grande ataque à profundidade e competente no jogo aéreo. Uma jovem promessa para seguir com atenção.

A ProScout é uma empresa de consultoria de scouting. Vamos acompanhar as competições brasileiras com regularidade. Se estiverem interessados em reports de jogadores da Série A, B ou C podem entrar em contacto connosco: geral@proscout.pt