Levin Öztunali

Levin Öztunali

Levin Mete Öztunali, jovem alemão de origem turca, carrega consigo uma herança familiar ligada ao futebol: é neto de Uwe Seeler, figura histórica da seleção alemã e do Hamburgo. E foi nesse mesmo clube que Levin começou a das os primeiros passos como futebolista. Dali transferiu-se para o Bayer Leverkusen onde terminou a sua formação no escalão de juniores numa equipa que contava, por exemplo, com Julian Brandt e Benjamin Henrichs. Em Leverkusen estreou-se na Bundesliga e seguiram-se duas épocas a jogar no Werder Bremen na condição de emprestado. No Verão de 2016 acaba por ser transferido para o Mainz por 5 M€.

É um jogador que fez toda a sua formação e início de carreira no centro do terreno, nas posições 8 e 10, no entanto, na sua última época no Werder Bremen, Viktor Skrypnyk, treinador do Bremen na altura começou a utilizá-lo como um jogador de faixa e é aí que se tem fixado até hoje.

Jogando normalmente do lado direito, Öztunali tem um físico bastante impressionante para um extremo e faz uso disso. Podemos vê-lo muitas vezes a usar a sua força física e velocidade para passar pelos defesas contrários. No entanto, não se trata apenas de um jogador físico. Apresenta também alguma técnica e uma capacidade de drible bastante assinalável. No passe revela também qualidade e assertividade.

O seu ponto mais fraco é a sua tomada de decisão, é um jogador que muitas vezes não toma a decisão correta sob pressão ou demora demasiado tempo a soltar a bola para um colega, o que muitas vezes resulta em oportunidades perdidas que poderiam ser potencialmente perigosas.

A sua transferência para o Mainz poderia ser vista por muitos como um passo atrás na carreira, no entanto tem revelado ser absolutamente preponderante para a sua evolução. Se continuar a jogar com regularidade no seu atual clube, poderá, dentro de algum tempo, dar um salto para um clube com objetivos maiores.

 

Sobre o Autor

Miguel Coelho

Nascido a meio da década de 90, desde cedo despertou nele a curiosidade e atenção pelo futebol. É actualmente estudante universitário e foi praticante da modalidade durante alguns anos nas camadas jovens, sendo nos dias de hoje um mero espectador e apaixonado pelo desporto-rei.

Artigos relacionados