Menu Fechar

Organização ofensiva da Argentina contra a Islândia

Outro resultado menos convencional na jornada de abertura do campeonato do mundo foi o empate 1-1 da Argentina, favorita a vencer o grupo, com a Islândia, seleção que aparenta ser novamente uma equipa extremamente difícil de derrotar, tal como já tinha acontecida no Europeu de 2016.

Pela boa organização defensiva, a equipa nórdica mereceu totalmente o resultado e a segunda parte foi exatamente o espelho disso. Uma equipa muito compacta, onde todos os jogadores se entre ajudavam nos duelos e nas coberturas, conseguindo fechar muito bem o espaço central.

A Argentina, por outro lado, praticou um futebol pobre, com uma circulação da bola muito lenta, incapaz de desposicionar os jogadores islandeses, forçando muito o ataque por zonas interiores (que estava sempre muito povoado) e incapaz de experimentar outras alternativas à muralha defensiva imposta pelos islandeses, que até iam deixando algum espaço nas alas, mas que a Argentina não escolheu explorar, preferindo atacar pela zona central, sempre em busca de Lionel Messi, que foi constantemente vítima de uma marcação feroz por parte dos adversários islandeses.

https://vimeo.com/275946914