Menu Close

Thiago Almada – A próxima estrela argentina

Thiago Almada é uma das promessas mais entusiasmantes do futebol argentino. O atleta do Vélez Sarsfield começou a dar nas vistas a temporada passada já na equipa principal e marcou 4 golos e completou duas assistências, num total de 21 jogos. Esta temporada, o jovem de 18 anos marcou 5 golos e completou também duas assistências em 25 partidas. É um extremo que atua sobretudo na esquerda, apesar de também desempenhar funções mais à direita.

Momento defensivo

É um jogador combativo e é rápido a agir na transição defensiva, no entanto, não se destaca pela capacidade de desarme ou interceção, apesar de dar boas indicações que tem capacidade para pressionar de forma intensa. Em organização defensiva mostra alguma qualidade na ocupação dos espaços.

Momento ofensivo

Thiago tem muita qualidade técnica e um bom toque de bola, mesmo em espaços curtos. Tem uma boa colocação no passe e explora com qualidade, através do passe longo, os movimentos dos colegas. Mostra qualidade no drible e capacidade de progressão com bola, procurando muitas vezes combinações em espaços curtos.

Atuando na direita tem alguma dificuldade em jogar com o pé esquerdo (não orienta o corpo para jogar com o pior pé), então procura mais servir os colegas através do passe numa posição mais recuada, ou através de uma procura da linha de fundo para tirar o cruzamento.
Tem mais facilidade em jogar na esquerda, onde procura frequentemente puxar para o seu pé direito para progredir e ficar de frente para o jogo. Não é um extremo que procure em demasia o remate, ao invés tem mais características de criação e organização de jogo, fruto da boa visão que tem.

A sua leitura de jogo e posicionamento são algumas das suas melhores qualidades. Sabe quando jogar mais aberto quando o jogo está muito concentrado no meio, mas também sabe quando explorar espaços mais interiores para estar mais perto da zona de definição. Procura jogar dentro do bloco do adversário, aparecendo livre muitas vezes nesses espaços. É interessante ver a forma como explora o half-space, conseguindo criar situações de perigo nessa zona.

É um extremo rápido, mas sobretudo é muito ágil. Consegue controlar e driblar em espaços curtos e orientar facilmente o corpo para definir. Apesar de não se destacar pela força, aguenta bem o contacto e resiste bem à pressão do adversário. Mesmo, por vezes, estando a ser pressionado até por três jogadores, consegue resistir e sair a jogar.

É um jogador que demonstra ser confiante nas suas ações com bola, raramente demora muito tempo a analisar e executar e é decidido naquilo que pretende fazer. A forma como analisa o jogo e o momento específico é interessante, no entanto, encontra alguma dificuldade no gesto técnico no último passe, principalmente se este for médio/curto. Por sua vez, demonstra mais qualidade quando a tomada de decisão passa pelo passe longo, aí mostra a capacidade de colocação de bola.

Futuro

Thiago Almada ainda é um jovem e tem uma margem de progressão enorme. Já demonstra muito entendimento do jogo, naquilo que é a relação com bola e com a procura dos espaços livres. No entanto, apesar de mostrar qualidade, pode melhorar o gesto técnico, tanto no drible como no passe curto. Por vezes a orientação corporal não é a melhor e até se desequilibra. Mas a capacidade de análise já é muito avançada, nota-se que a intenção é boa e que é a decisão correta a tomar. Com algumas melhorias na execução e na relação com o pé esquerdo, poderá dar o salto para se tornar um jogador de classe mundial.