Menu Fechar

Transição ofensiva do Shakhtar Donetsk

O Shakhtar Donetsk, de Paulo Fonseca, tem sido uma equipa especialmente conhecida pela sua qualidade em organização ofensiva onde, desde a construção até à finalização, demonstra muitos pormenores interessante no seu jogo – desde as saídas a 3, as subidas dos centrais com bola, as muitas linhas de passe, os movimentos interiores, a exploração da largura, os movimentos de apoio, entre outras particularidades.  No entanto, com bola, não é apenas na organização ofensiva que eles são fortes.
 

Imagem do Shakhtar em construção

 
Beneficiando das características dos jogadores e também daquilo que é trabalhado, a equipa ucraniana tem mostrado uma enorme qualidade em transição ofensiva, criando inúmeros problemas às equipas adversárias quando lhes permitem espaços ou situações para serem exploradas. São uma equipa que encurta com a linha defensiva os espaços atrás e que ganha logo metros no terreno, deixando várias vezes os adversários para trás deles (o que acontece várias vezes em lances de bola parada) e ganhando muitas segundas bolas; são muito rápidos a chegar à baliza adversária e a galgar metros no terreno, além disso chegam com vários jogadores; saem muito bem no primeiro momento de pressão do adversário, encontrando o colega para entregar; ocupam quase sempre os 3 corredores, dando sempre solução a quem tem bola; são mais de condução que de passe e procuram muitas vezes os espaços nos corredores laterais, assim como também percebem quando podem explorar a profundidade; sabem quando devem ir ou não, congelando a bola quando percebem que não há vantagem.

Os jogadores que o treinador tem à sua disposição também ajudam muito. Fred é um médio capaz de progredir facilmente com bola e correr muitos metros com ela; Srna é um lateral direito que é muito rápido a aparecer no ataque e a desequilibrar; Marlos, Taison, Kovalenko, Bernard e Dentinho são jogadores muito bons com a bola e capazes de conduzir, driblar e entregar o esférico com qualidade.

Não é, nem pouco mais ou menos, das transições ofensivas que este Shakhtar vive em campo, mas quando os espaços lhes surgem eles aproveitam-nos de uma forma muito competente e com qualidade, conseguindo criar muitos desequilíbrios.
 

https://vimeo.com/197359042