Menu Close

10 jovens em Portugal para seguir em 2021

A ProScout escolheu 10 jovens até 21 anos que em 2021 podem dar o salto qualitativo e competitivo, pela qualidade e o potencial que apresentam.

Tomás Ribeiro – Defesa Central – 21 anos – Belenenses SAD

Totalista esta temporada com 1110 minutos em 12 partidas. Apesar da tenra idade é um central muito maduro e com perfil de liderança. Não sendo um central muito rápido, compensa com a sua inteligência posicional e leitura de jogo. Sempre bem posicionado na linha de três centrais que o Belenenses SAD apresenta, descaindo mais para o corredor esquerdo por ser canhoto. Jogador com bons índices de concentração, forte no desarme e na marcação. Não sendo muito alto (185 cm) demonstra uma boa capacidade de impulsão e é forte no jogo aéreo. Ofensivamente tem boa relação com bola, qualidade na progressão e capacidade de passe. Gosta de variar o centro do jogo com um passe longo mas também oferece soluções nas saídas curtas. Depois de na época anterior ter tido uma lesão grave, regressou em grande plano e 2021 pode ser o alto de consolidação. A continuar assim deverá ser transferido para outro contexto competitivo.

João Neto – Médio Centro – 17 anos – Famalicão

Jovem brasileiro de 17 anos que pode atuar como médio centro, médio ofensivo ou até mesmo a extremo. Fez a sua formação no Corinthians, SC Braga e Famalicão onde chegou para os juniores a época passada. As boas exibições nos Sub-23 valeram a chamada à equipa principal. João Pedro Sousa tem lançado João Neto nos últimos jogos e o seu potencial faz com que 2021 possa ser o seu ano de afirmação. Médio ágil, rápido, com excelente qualidade técnica, capacidade de drible e progressão com bola. É um jogador que consegue desequilibrar com bola, demonstra boa capacidade de passe e visão de jogo. Pode crescer no entendimento tático do jogo e na sua participação defensiva, apesar de ser um médio que não se esconde dos duelos. Pelo seu perfil pode fixar-se no futuro como um médio ofensivo com chegada à área contrária ou através de uma das faixas.

Afonso Sousa – Médio Ofensivo/Extremo – 20 anos – Belenenses SAD

Depois de vários anos na formação do FC Porto, decidiu continuar a sua carreira noutro clube e escolheu o Belenenses SAD para aparecer no principal escalão português e desenvolver o seu potencial. Tem jogado descaído para a esquerda no 3-4-3 da equipa de Petit, funcionando como extremo esquerdo ou avançado interior dada a sua versatilidade. Também pode jogar como médio centro. Pela sua mobilidade, agilidade, relação com bola, capacidade de passe e visão de jogo, é um jogador diferenciado no contexto da Liga NOS. Tem sido titular nos últimos jogos e o rendimento justifica que assim seja, sendo uma peça essencial no modelo de jogo do Belenenses, especialmente no último terço. Segura bem a bola, tem capacidade para progredir em velocidade e em drible e desequilibra com muita facilidade. Leva 1 golo e 1 assistência em 12 partidas.

André Almeida – Médio Centro/Médio Ofensivo – 20 anos – Vitória SC

O crescimento coletivo e tático do Vitória SC incide com a entrada de André Almeida no onze titular. O médio português fez toda a sua formação no clube minhoto e estreou-se na equipa principal na temporada passada. Este ano tem vindo a consolidar a sua posição e assume-se como um elemento importante na manobra ofensiva da equipa, fazendo a ligação entre o setor intermédio e ofensivo. Médio completo que se destaca pela sua mobilidade, capacidade ofensiva, embora também acrescente qualidade no processo defensivo devido ao seu compromisso, sentido posicional e agressividade nas disputas. Com bola demonstra uma boa capacidade de passe, drible, velocidade em progressão e visão de jogo. Chega bem a zonas adiantadas, partindo de posições mais recuadas. É um jogador confiante e com grande potencial de desenvolvimento. Soma 9 jogos até ao momento esta temporada.

Rodrigo Gomes – Extremo/Avançado – 17 anos – SC Braga

O extremo de 17 anos tem sido chamado por Carlos Carvalhal aos trabalhos com a equipa principal, tendo alinhado de início no jogo para a Taça frente ao Olímpico do Montijo e nos minutos finais dos jogos para a Liga. Joga maioritariamente pelo lado direito do ataque mas também pode ser opção para terrenos mais centrais, como segundo avançado. Rodrigo Gomes é mais um jovem formado no SC Braga que chega à equipa principal e que tem condições para ser um valor seguro da equipa minhota. Esta temporada começou nos Sub-23 mas rapidamente subiu à equipa principal. Mesmo com a concorrência forte que tem, vai somando minutos e no próximo ano pode aparecer de forma mais regular, comprovando o seu talento. Extremo rápido que pode jogar aberto na linha ou a procurar zonas mais interiores, de ligação com o avançado. Jovem confiante, irreverente e que se sente confortável a partir no 1×1 para cima do lateral contrário com recurso à sua velocidade, capacidade de drible e agilidade. Defensivamente é um jogador comprometido que acompanha bem o movimento do adversário e apoia o seu lateral.

André Dias – Médio Ofensivo – 19 anos – Vilafranquense

Depois de duas temporadas de grande nível nos juniores do clube, foi aposta na equipa principal e tem correspondido com 2 golos e 1 assistência em 9 partidas. Médio ofensivo irreverente, evoluído tecnicamente e com boa capacidade de drible. É um jogador móvel, ágil e rápido que pode atuar no meio ou num dos corredores como extremo. Boa capacidade para chegar a zonas de finalização ou assistir os seus colegas. Tem sido uma das revelações da II Liga e a continuar assim pode dar o salto para um emblema da Liga NOS. É um jogador que consegue desequilibrar e criar situações de perigo no último terço, seja por jogo interior ou exterior. Joga bem com os dois pés e demonstra boa capacidade de passe e visão de jogo.

Chiquinho – Extremo – 20 anos – Estoril

O jovem extremo de 20 anos formado no Sporting, Estoril e Tondela, ganhou um papel de destaque depois da campanha da temporada passada nos Sub-23. Chegou a ser opção na época anterior para a equipa principal mas este ano é o de afirmação total das suas capacidades num contexto de II Liga. Tem alternado entre a equipa titular e um dos primeiros elementos a saltar do banco para mexer com a partida. Extremo destro que alinha nas duas faixas com igual qualidade. Rápido, irreverente, forte no 1×1, com excelente capacidade de drible e cruzamento. Com espaço é um jogador muito complicado de travar. A partir da faixa direita, procura ter um comportamento mais vertical e de ataque à linha de fundo, na esquerda varia entre a procura pela linha final e os movimentos interiores. Muito confiante e sem medo de errar nas ações individuais, fruto da sua qualidade técnica acima da média. Boa capacidade nas bolas paradas, livres e cantos. Defensivamente é um jogador que recupera muito bem a posição e apoia bem o seu lateral, fruto de ser muito veloz. Caso o Estoril confirme o seu favoritismo de promoção à Liga NOS, 2021 poderá ser o ano do aparecimento de Chiquinho no principal escalão português. Tem 13 jogos e 1 golo entre Sub-23 e equipa principal esta temporada.

Tomás Domingos – Defesa Direito – 21 anos – Mafra

Com passagens pela formação do Oeiras, Belenenses e Benfica, esta época encontrou o seu espaço de crescimento no Mafra da II Liga. Lateral muito completo e maduro em todas as fases de jogo. Defensivamente é um jogador com bom sentido posicional, forte nos desarmes e marcação. Recupera bem a sua posição pela sua disponibilidade física e velocidade. Consegue atuar os 90 minutos em alta rotação, sendo uma opção muito válida no processo ofensivo, pela sua relação com bola, capacidade de drible, agilidade, qualidade de passe e cruzamento. Desequilibra no último terço através das combinações diretas com o seu extremo e aparece muito bem na linha final para cruzar. Sobe com critério pelo seu corredor, não descompensando a sua equipa, e é um lateral de processos simples. Tem sido uma das grandes revelações da II Liga e já leva 1 golo em 13 jogos.

Alexsandro Ribeiro – Defesa Central – 21 anos – Amora

Defesa central brasileiro que atua no Campeonato de Portugal mas apresenta um rendimento e um potencial que o projetam para patamares superiores como é o caso da I Liga. Passou pela formação do Flamengo e Resende até chegar ao Praiense em 2018/2019. A época passada foi um dos valores seguros do Campeonato de Portugal. Esta temporada assinou pelo Vitória FC e perspetivava-se a ascensão ao principal escalão português. Com a descida do emblema sadino ao CP, foi contratado pelo Amora e continua a mostrar que é um dos melhores centrais da competição. Muito forte fisicamente (189 cm), com excelente capacidade de desarme, marcação e antecipação. Forte no jogo aéreo, bom sentido posicional e leitura tática. Mesmo com a sua fisionomia consegue ser um jogador rápido e ágil. Com bola tem condições para participar na primeira fase de construção, demonstra boa relação com bola e qualidade técnica. Mesmo pressionado consegue sair com critério desde trás. Pelo seu perfil físico, técnico e tático deve dar o salto competitivo em breve.

Vitória Almeida – Avançada – 21 anos – Famalicão

Chegar, ver e vencer! A avançada brasileira chegou ao Famalicão, vinda do Hebei Elite da China, e tem sido uma das grandes revelações da Liga BPI. Soma 13 golos no campeonato e é a melhor marcadora no conjunto das duas séries. Ao todo são 14 golos em 9 partidas e o sinal claro que dificilmente fica muito tempo no conjunto nortenho. Muito forte fisicamente (185 cm), com capacidade para atacar a profundidade nas costas da defesa contrária em velocidade ou servir de referência ofensiva pela sua capacidade no jogo aéreo. Dentro da grande área consegue encontrar espaços para finalizar, seja de cabeça ou com os dois pés. Remata com qualidade com ambos os pés e também é uma exímia marcadora de grandes penalidades. Pelo rendimento que tem demonstrado pode dar o salto para outro clube português ou para um clube europeu que lute por títulos.



Para todos os clubes, treinadores, jogadores, olheiros, agentes, empresas e media que queiram saber mais sobre os nossos serviços de scouting, não hesitem em contactar-nos através de mensagem privada ou do nosso email geral@proscout.pt.