Menu Close

Agustín Álvarez Martínez – Instinto Matador

Uruguaio de 19 anos Agustín “Canário” Álvarez Martínez é um jovem ponta de lança que começa a despontar no Peñarol. Na copa sul americana é um jogador em destaque, leva 7 golos em 6 jogos e no total já conta com 17 golos em 36 jogos ao serviço da equipa sul americana. O Uruguai é uma nação com tradição na produção de bons pontas de lanças e nos últimos anos vários são os avançados de renome produzidos na “Celeste”: Suárez , Cavani, Diego Forlán e na calha está mais um.

Nascido numa pequena cidade do sul do Uruguai, San Bautista, Álvarez Martínez é um produto das camadas jovens do Peñarol. O “Canário“ tem aproveitado a oportunidade dada pelo técnico Mauricio Larriera para se mostrar, em 19 de Setembro de 2020 teve o seu primeiro golo pela equipa sénior do Peñarol numa vitória por 3-1 diante o Plaza Colonia.

Momento Defensivo

Com boa capacidade física, é um jogador empenhado para ajudar a defender, tanto na pressão alta como na capacidade de recuperação posicional quando o adversário ultrapassa a primeira linha de pressão, tentando assim repor a igualdade numérica no miolo. É por vezes visível no jogo a preocupação de Martínez neste particular.

Tem uma reação muito forte à perda de bola, não desistindo dos lances, tenta rapidamente a recuperação, acompanhando o intercetor da bola, criando dificuldades ao adversário e não deixando o mesmo criar desequilíbrios. É um jogador muito atento à construção adversária, tentando sempre adivinhar as possíveis falhas adversárias para recuperar a bola no último terço do campo.

Momento Ofensivo

É um jogador com instinto matador natural. A procura do golo é o seu objetivo, como um felino procura a sua presa. Tem uma capacidade natural de se posicionar em zonas de finalização e isto apesar da sua juventude. Nas zonas de finalização a sua movimentação é muito boa, sabendo iludir a marcação, bem como a posicionar-se para uma finalização certeira.

Procura as falhas individuais dos adversários, sejam elas de marcação ou de controle da profundidade para aparecer a finalizar. Tem uma capacidade finalizadora impressionante, sobretudo com o seu pé mais forte: o direito. Procura sempre um posicionamento corporal a fim de favorecer o seu pé forte na finalização das jogadas dentro da área, demonstrando uma grande capacidade de remate a curta e média distância, tendo um excelente remate.

Não sendo um jogador com grande porte físico em termos de altura (tem apenas 1,80m), Martínez consegue jogar bem de costas e de modo simples, recebendo e distribuindo quase sempre de primeira, mas igualmente sabendo fixar quando é necessário o central que o marca. A sua inteligência tática permite-lhe ocupar bem os espaços entre linhas para poder fazer a ligação com os médios, com passes de primeira ou recebendo e descobrindo colegas em zonas de finalização.

No jogo aéreo e apesar da sua estatura, é muito agressivo nos duelos e na capacidade de impulsão, finalizando muito bem de cabeça.

Conclusão

O futuro passa por “Canário” Martinez. O jovem uruguaio é um avançado muito instintivo, de processos simples e eficazes, com capacidade finalizadora aliada à sua forte intensidade colocada em prol da equipa. Um jogador que tem golo, capacidade de trabalho e com vontade de se afirmar, está a ser um destaque na Copa Sudamericana e o Uruguai começa a ser pequeno para este jovem jogador.

Se me perguntassem com quem poderia comparar este jogador, a minha resposta seria óbvia: Lisandro Lopéz. Se melhorar em alguns aspetos, como a progressão com bola e o drible, Agustín Álvarez Martínez poderá tornar-se um avançado muito completo e com temperamento de matador.

Jogadas de finalização


Para todos os clubes, treinadores, jogadores, olheiros, agentes, empresas e media que queiram saber mais sobre os nossos serviços de scouting, não hesitem em contactar-nos através de mensagem privada ou do nosso email geral@proscout.pt.