Menu Close

Anadia FC – Variabilidade ofensiva

O Anadia F.C. é presença habitual no Campeonato de Portugal. Na presente época, a aposta na constituição do plantel foi forte e tem vindo a trazer frutos. À experiência de jogadores como Manuel Gama, Nivaldo, Hélder Castro ou Fausto Lourenço, alia-se o potencial de jovens como Simão Fernandes e Tamble Monteiro.

O clube da Associação de Futebol de Aveiro é o atual líder da série D. Conquistou, até ao momento, 41 pontos em 20 jogos com 34 golos marcados e 13 sofridos. É o primeiro classificado que conta com mais derrotas (3) na competição, reflexo da competitividade existente na série D. A duas jornadas do final da primeira fase, tem 2 pontos de avanço para Lourosa e 4 pontos de avanço para Canelas, que esperam por um desaire deste Anadia. No dia 3 de Abril, recebe o Beira-Mar e, na semana seguinte, desloca-se a Castro Daire em busca de se manter na liderança da classificação e consequente apuramento para a fase de subida à 2ª Liga.

JUVENTUDE NO COMANDO

Miguel Valença é o timoneiro. O treinador de 31 anos está na sua segunda experiência como treinador principal no futebol sénior. Após duas épocas no comando do F.C. Oliveira do Hospital, onde foi capaz de ter épocas tranquilas no Campeonato de Portugal, foi o treinador escolhido para assumir o ambicioso projeto do Anadia F.C.

À semelhança das épocas anteriores, o treinador natural de Coimbra privilegia um futebol apoiado, procurando que a sua equipa assuma o controlo do jogo em posse, obrigando o adversário a ter um processo defensivo forte para fazer frente à capacidade ofensiva da sua equipa. Já optou por vários sistemas táticos de 4 defesas ao longo desta época, assentando a maioria dos jogos num 4x2x3x1.

ENQUADRAMENTO ESTATÍSTICO

A nível coletivo, e olhando apenas para aspetos ofensivos, existem alguns dados estatísticos que ajudam a demonstrar algumas das características deste Anadia. São, simultaneamente, a equipa da série D com maior número de passes por jogo (518) e melhor percentagem de passes certos (83%). Relativamente ao número de cruzamentos por jogo (17), é a 2ª melhor equipa apenas superada pelo Lourosa e, no que toca à percentagem de posse de bola (57%), apenas são ultrapassados pelo Beira-Mar.

É ainda a equipa com melhor percentagem de remates à baliza (49%) de todo o Campeonato de Portugal e a 2ª equipa com maior percentagem de ataques pelo flanco direito (43%), atrás do São Martinho da série B.

Do ponto de vista individual, desde logo, o número de passes por jogo reflete a importância dos médios centro na construção da manobra ofensiva. Zé Lopes com 63 e Hélder Castro com 61 são os jogadores por onde mais passa o jogo ofensivo deste Anadia. A elevada taxa de acerto no passe pelos elementos mais recuados (centrais e médios centro) mostram com clareza a forma segura como se desenrola a primeira fase de construção: Diogo Costa (94%); Zé Lopes (90%); Tiago Correia (89%).

No último terço, a importância dos laterais no envolvimento em zonas de cruzamento é bem espelhada pelos jogadores com maior número de cruzamentos por jogo: Tiago Melo (3.8); Leandro Borges (3.5); Fausto Lourenço (2.6); Nivaldo (2.4). Em termos de finalização, Fausto Lourenço é o jogador com maior número de remates por jogo (2), seguido de Tamble Monteiro (1.42), Cícero (1.28) e Nuno Pereira (1.21).

MELHORES MARCADORES

Fausto Lourenço: 8 | Tamble Monteiro: 6 | Pedro Silva: 5 | Nuno Pereira: 4

MELHORES ASSISTENTES

Fausto Lourenço: 6 | Tiago Melo, Leandro Borges, Nivaldo e Pedro Silva: 3

Golos marcados: situação de ataque
Golos marcados: zona de finalização

XI BASE

DINÂMICAS OFENSIVAS

A equipa do Anadia aposta numa construção curta desde trás, sendo também o guarda-redes Manuel Gama parte fundamental do processo. Os dois médios centro Zé Lopes e Hélder Castro posicionam-se em linhas diferentes para garantir linha de passe curta e média aos defesas centrais.

Construção de jogo a partir de pontapé de baliza
Posicionamento ofensivo em 4x2x3x1

Os defesas centrais Tiago Correia e Diogo Costa e os médios centro Zé Lopes e Hélder Castro são os principais construtores de jogo da equipa de Miguel Valença. É muito frequente a formação de uma construção a 3+1, com Zé Lopes a recuar para linha dos centrais, ainda que alternando a zona onde procura receber bola.

Construção a 3+1 com Zé Lopes em zona lateral
Construção a 3+1 com Zé Lopes em zona central

A diversidade de linhas de passe é uma imagem de marca deste Anadia. Com Fausto Lourenço permanentemente à procura de espaço para receber entre linhas e com a incorporação dos extremos por zonas interiores (associada à subida dos laterais pelos corredores), existe uma grande facilidade em chegar ao último terço de forma apoiada.

Movimento interior do ED, com projeção do DD pelo corredor lateral

As trocas posicionais são outro aspeto importante na procura de destabilizar a organização defensiva do adversário.

Troca posicional: defesa direito » extremo direito
Troca posicional: extremo esquerdo » médio ofensivo

Chegando ao último terço, é clara a procura dos corredores laterais para criar situações de finalização. 57% dos golos do Anadia nascem de situações de cruzamento, com uma forte presença de jogadores na área para finalizar.

Várias linhas de passe para combinações no corredor lateral
Cruzamento do lado direito com forte presença na área
Cruzamento do lado esquerdo com forte presença na área

Todos os golos – 20/21

DESTAQUES INDIVIDUAIS

Tiago Melo | Lateral Direito | 24 anos

Jogador preponderante na manobra ofensiva da equipa. Grande parte dos ataques do Anadia desenrolam-se pelo corredor direito e Tiago Melo é peça fundamental. Lateral muito ofensivo, rápido e com boa capacidade técnica. Procura muitas vezes o 1×1 para ganhar espaço para cruzar.

Zé Lopes | Médio Defensivo | 29 anos

É o jogador referência para a primeira fase de construção. Boa capacidade de decisão e no passe. Inteligente a perceber os espaços onde pode receber bola. Alia ainda uma boa dimensão física para o momento defensivo.

Fausto Lourenço | Médio Ofensivo | 34 anos

É, simultaneamente, o melhor marcador e melhor assistente da equipa. Jogador de excelente capacidade técnica. Forte a jogar entre linhas e com muita mobilidade no último terço. Surge bem em zonas de finalização e executa com qualidade.



Para todos os clubes, treinadores, jogadores, olheiros, agentes, empresas e media que queiram saber mais sobre os nossos serviços de scouting, não hesitem em contactar-nos através de mensagem privada ou do nosso email geral@proscout.pt.