Menu Close

André Silva – Novo Artilheiro de Frankfurt

André Silva, avançado formado no FC Porto está a ter aquela que é a melhor temporada até agora na sua carreira. As suas passagens pelo AC Milan e Sevilha não correram bem, mas tem encontrado no Frankfurt desde 2019 uma maior felicidade no seu jogo. É certo que nem sempre teve a importância que está a ter neste momento no clube germânico, mas o treinador o Adi Hütter confia muito no avançado português e sempre foi tendo as suas oportunidades. Esta temporada finalmente está a ter um grande impacto na equipa, já levando 19 golos em 22 partidas.

O Perfil do Jogador

Está cada vez mais um avançado completo, muito confiante em si e na equipa. André Silva mostra uma excelente leitura de jogo, posiciona-se muito bem dentro da organização ofensiva da equipa. Está muito confortável com a bola, mostrando uma capacidade de controlo acima da média. Na área tem sido um predador autêntico, com uma forte capacidade de antecipação e identificação de espaços para aparecer a finalizar. O seu jogo aéreo também tem sido notório.

Onde Encaixa André Silva

O goleador português tem certamente beneficiado daquela que é uma das melhores propostas de jogo da Bundesliga, neste momento a equipa não foge muito ao que tem sido o melhor de Adi Hütter, alinhando a equipa num sistema com 3 centrais, em 3x4x3 com um trio de atacantes muito compacto na frente, geralmente André Silva, Kamada e Younes.  

O Frankfurt tem beneficiado imenso da enorme mobilidade do tridente ofensivo dificultando imenso o adversário acertar marcações. André Silva normalmente posiciona-se no limite da linha defensiva adversário ou procurando colocar-se à frente de um dos centrais de costas para a baliza. Geralmente André Silva tem uma melhor relação com Kamada, um dos jogadores mais influentes da equipa e os dois entendem-se muito.

Como reparamos na imagem, Kamada ao receber a bola de frente para a área, o instinto de André Silva é procurar logo o passe no espaço nas costas da defensiva.

Este é um momento interessante da equipa e de André Silva. Quando a bola é jogada para o flanco, André Silva não deixa a sua posição na área, em vez de se desviar para tentar ganhar a bola mais perto de Kamada, procura o espaço na área estimulando também a equipa a procurar o seu jogo aéreo que também tem estado em grande destaque esta temporada.

Como já referido, André Silva tem uma boa capacidade de antecipação e encontrar espaços na área para chegar à finalização, mas isto também é fruto de uma boa organização ofensiva da equipa que constantemente ajuda o português a ter esses espaços para explorar.

Na imagem em cima é possível reparar aquele que é um movimento padrão desta equipa e vemos pelo menos 2 jogadores muito próximos do ponta de lança português na área. Neste caso é Younes na esquerda que consegue chamar a marcação do central do seu lado para este abrir uma brecha entre si e o seu colega, espaço esse que André Silva explora para neste caso fazer um golo.

Conclusão

A que se deve o momento de forma de André Silva? Esta temporada o avançado português ganhou maior protagonismo na frente de ataque, com as saídas de Gonçalo Paciência e Bas Dost com quem ainda actuou esta temporada abriram-lhe mais espaço para liderar a frente de ataque e o treinador Adi Hütter tem optado por alinhar assim com André Silva acompanhado de 2 atacantes de maior mobilidade. A ideia de jogo tem beneficiado muito o jogador, mas o mérito também passa pelo seu crescimento como jogador e a sua qualidade, tem sabido aproveitar o momento e é neste momento indiscutível, mesmo tendo chegado um jogador como Jovic que ganhou um peso muito grande em Frankfurt.



Para todos os clubes, treinadores, jogadores, olheiros, agentes, empresas e media que queiram saber mais sobre os nossos serviços de scouting, não hesitem em contactar-nos através de mensagem privada ou do nosso email geral@proscout.pt.