Menu Close

Desafio Proscout: XI da primeira volta da Liga NOS

Terminou a 1ª volta da Liga NOS (excepto para Vitória SC e SC Farense que tem um jogo em atraso). Ao fim de 17 jornadas, de 17 reports produzidos, jornada após jornada, a ProScout apresenta o XI da 1ª volta do principal campeonato português, sem top-4.

Daniel Guimarães – Guarda-redes – CD Nacional

Daniel Guimarães tem 33 anos e está em Portugal desde a época 2017/18. No CD Nacional desde que chegou a Portugal, tem feito parte do percurso oscilante da equipa madeirense. Este no primeiro lugar, que deu acesso à 1ª Liga, em 2017/18 e 2019/20, sendo o dono das redes em todas as temporadas. Esta época, o guarda redes de Luís Freire tem sido o mais regular na Liga, com boas exibições e oferecendo bastante segurança à sua equipa. Efetuou 48 defesas esta época, das quais 19 foram supersaves.

Falaye Sacko – Defesa direito – Vitória SC

O lateral maliano continua a impressionar e a conquistar uma subida a pulso, quer no clube vitoriano, quer na Liga Portuguesa. Chegou a Portugal em 2016, para jogar na equipa ‘B’ do Vitória SC. Na época seguinte estreou-se na 1ª Liga, na deslocação à Choupana para defrontar o CD Nacional à jornada 27. Em 2017/18, realizou 6 jogos pela equipa principal, mas foi em 2018/19, com a chegada de Luís Castro que garantiu um lugar na equipa e no onze titular. Lateral rápido e agressivo, tem sido um lateral em evidência esta época. Com capacidade para fazer o corredor direito e ser importante, no momento defensivo, mas também no momento ofensivo.

Zainadine Júnior – Defesa central – CS Marítimo

O defesa central moçambicano, de 32 anos, voltou a estar em evidência no arranque da temporada. Com um arranque bastante sólido, à imagem do que tem sido habitual, Zainadine tem uma percentagem de ações corretas de 85%. Olhando para o número de recuperações de bola, o defesa central do Marítimo recuperou 98 vezes a posse de bola para a sua equipa. Forte no capítulo defensivo, é um jogador com um bom posicionamento, aliando à boa capacidade física, ganhando 69 dos 92 duelos disputados.

Srđan Babić – Defesa central – FC Famalicão

Srđan Babić tem sido um pilar na defesa famalicense. Apesar de coletivamente o Famalicão não estar a realizar a melhor temporada, no capítulo individual, o defesa central sérvio tem-se apresentado a grande nível. Emprestado ao Famalicão pelo Crvena Zvezda, o central de 24 anos é o jogador com mais passes acertados no campeonato, tendo acertado 928 dos 1020 passes tentados, o que lha dá uma percentagem de acerto de 91%. No momento defensivo, é um jogador bastante posicional e criterioso nas suas ações, conseguindo recuperar 129 bolas para a sua equipa e sendo o jogador que mais interceções de bola realiza, com 126 interceções realizadas.

Oleg Reabciuk – Defesa esquerdo – FC Paços de Ferreira

Oleg Reabciuk esteve em destaque na 1ª volta, sendo noticiado o interesse do FC Porto na sua contratação, ainda assim, o defesa esquerdo optou pelo Olympiakos de Pedro Martins. Um lateral preponderante no momento ofensivo, tendo uma boa chegada ao último terço. Boa capacidade de cruzamento e de associação com os seus companheiros. Apesar de já não perfilar no nosso campeonato, a integração de Oleg teria de acontecer. Para o seu lugar, o Paços de Ferreira contratou Pedro Rebocho que, nas quatro jornadas disputadas, perfilou na nossa equipa da semana por duas ocasiões.

André André – Médio centro – Vitória SC

O capitão dos conquistadores voltou a apresentar uma preponderância no clube. Não apenas pelo que joga, mas pela liderança que oferece ao balneário. Mesmo no momento mais difícil da equipa, André André manteve-se sempre regular e uma peça imprescindível, seja para Tiago Mendes, como para João Henriques. Define-se como um ‘box-to-box’, tendo capacidade de ter ações defensivas e ofensivas com a mesma importância.

Bruno Costa – Médio centro ofensivo – FC Paços de Ferreira

O camisola 10 dos castores tem tido um percurso ascendente ao longo da época e tem vindo a ganhar preponderância na equipa de Pepa. Emprestado ao Paços de Ferreira pelo Portimonense, Bruno Costa tem sido uma peça importante no xadrez do Paços. Com uma boa capacidade técnico/tática, através de boa capacidade de passe, visão de jogo e boa chegada à área. Numa equipa onde o coletivo tem estado em evidência, aparecem destaques individuais que têm sido uma mais valia para a boa campanha da equipa.

Ryan Gauld – Médio centro ofensivo – SC Farense

Ryan Gauld tem sido o elemento em maior destaque na equipa de Faro. O tecnicista escocês teve de baixar patamares para reaparecer a um bom nível no palco maior do futebol português. Com boa capacidade de passe e boa tomada de decisão, Ryan Gauld executou 10 passes-chave em 18 tentativas. Excelente leitura de jogo, intensidade nas suas ações e boa capacidade em explorar espaços vazios, são algumas das características que o médio apresenta.

Samuel Lino – Extremo – Gil Vicente FC

Samuel Lino é um jogador versátil, podendo atuar a partir do corredor ou na frente de ataque. O jovem brasileiro, de 21 anos, formado no São Bernardo do Brasil, cumpre a 2ª época no Gil Vicente. Esta temporada tem tido uma maior preponderância no jogo da equipa, apontando, até ao momento, quatro golos. Apresenta um bom controlo de bola, é capaz de encarar os adversários em situações de 1vs1. Tem um 1° toque muito interessante, conseguindo receber orientado para a sua próxima ação.

Carlos Jr. – Extremo – CD Santa Clara

Carlos Júnior é um extremo virtuoso do Santa Clara. Esta temporada está a confirmar os bons indicadores deixados na temporada anterior. Esta época já apontou quatro golos e fez duas assistências. É um jogador com boa capacidade de drible, fazendo uso do seu centro de gravidade baixo, e que parte bastante bem no 1 vs 1. É um jogador que tem no sangue a ginga brasileira. Após uma passagem fugaz pelo Rio Ave, Carlos Jr. tornou-se um jogador importante para a equipa de Daniel Ramos.

Rodrigo Pinho – Avançado – CS Marítimo

O avançado brasileiro foi um dos grandes destaques na 1ª volta do campeonato. A sua boa forma, permitiu-lhe, ao que tudo indica, uma mudança para o Estádio da Luz no próximo verão. Aos 29 anos, Rodrigo Pinho tem vindo a ser preponderante na equipa insular. Tem, até ao momento, 7 golos marcados, tendo apontado 5 golos nas quatro primeiras jornadas.



Para todos os clubes, treinadores, jogadores, olheiros, agentes, empresas e media que queiram saber mais sobre os nossos serviços de scouting, não hesitem em contactar-nos através de mensagem privada ou do nosso email geral@proscout.pt.