Menu Close
[:pt]Alemanha vs Itália: Vitória germânica na eliminação das italianas

Segunda jornada do grupo B que opunha as atuais campeãs Alemanha contra a Itália que se perdesse o jogo estava eliminada da competição.

A Alemanha, com várias alterações no onze inicial apresentou-se num 4X4X2 losango, do lado oposto, as italianas também mexeram no onze inicial e optaram por um 4X4X2 clássico que quando defendiam passava a um 4X5X1.

As germânicas entraram mais fortes na partida tentando desde logo dominar o jogo, fazendo pressão e jogando em bloco alto como o fizeram praticamente no jogo todo (figura 1).

Figura 1 - Pressão alemã: sempre que perdiam bola imediatamente faziam pressão para a recuperar
Figura 1 – Pressão alemã: sempre que perdiam bola imediatamente faziam pressão para a recuperar

A Itália, não conseguindo contrariar o ímpeto germânico baixava as suas linhas e defendia no seu meio campo defensivo (figura 2).

Figura 2 - Posicionamento defensivo das italianas
Figura 2 – Posicionamento defensivo das italianas

Foi um início muito complicado para a Itália com a Alemanha a dominar o jogo e as italianas quase sem ter bola só se limitavam a defender e tentar sair em contra-ataque. As alemãs acabaram por chegar ao golo, mas continuavam com a sua alta intensidade e sem baixar o bloco, a Itália continuava a jogar no seu meio campo e num contra-ataque conseguiu chegar ao golo do empate e aliviar um pouco a pressão das alemãs.

Na segunda parte a Alemanha voltava a entrar forte não permitindo a Itália sair do seu meio campo defensivo, aliás como se pode ver nos heatmaps (figura 3 e 4) a Alemanha passou maioritariamente posicionada no meio-campo ofensivo enquanto a Itália na sua zona defensiva.

Figura 3 - Heatmap Itália
Figura 3 – Heatmap Itália
Figura 4 - Heatmap Alemanha
Figura 4 – Heatmap Alemanha

 

 

A Alemanha com mérito conseguiu chegar à vantagem com uma grande penalidade e continuar a mandar no jogo. com o golo sofrido e a expulsão logo de seguida de uma das suas jogadoras as italianas lutaram e tentaram chegar ao golo do empate que evitaria a sua eliminação. Mesmo com dez conseguiram destabilizar a Alemanha que começou por baixar um pouco as suas linhas e convidar as italianas a colocarem a bola na sua área. Não conseguiram criar muito perigo e sempre que chegavam a baliza contraria a guarda-redes germânica resolvia sem muitos problemas.

Notou-se uma diferença de qualidade neste jogo, principalmente durante os primeiros 65-70 minutos de jogo. as italianas perdiam mais bolas para as germânicas, sendo que o maior problema foram as bolas perdidas no meio-campo (figura 5). Numa destas bolas perdidas resultou o lance da grande penalidade que originou o golo da vitória da Alemanha.

Figura 5 - Perda de bolas de cada equipa (azul - Itália; branco: Alemanha)
Figura 5 – Perda de bolas de cada equipa (azul – Itália; branco: Alemanha)

A nível ofensivo as italianas dependiam muito das investidas de Bonansea, uma das melhores da Itália assim como Stracchi. Do outro lado o destaque volta a ir para a capitã Marozsán, que voltou a mostrar toda a sua qualidade em todos os setores, era por ela que passava todo o jogo alemão, vindo muitas vezes buscar bola entre as centrais para depois fazer um passe em profundidade (figura 6).

Figura 6 - Início de construção ofensiva da Alemanha
Figura 6 – Início de construção ofensiva da Alemanha

Apesar do ímpeto final por parte das italianas a vitória foi merecida pelas alemãs que foram superiores durante todo o jogo, podendo até terem concretizado mais golos. A Itália está fora deste Europeu já a Alemanha só depende delas para estarem na próxima fase.

ale ita7 ale ita8

 

Rússia vs Alemanha: Classe alemã leva a vitória controlada sobre as russas

Última jornada do grupo que iria decidir o primeiro e segunda classificado do grupo.

A Rússia apresentou-se no seu habitual 4X1X4X1 enquanto que a Alemanha num 4X4X2 losango.

O jogo começou com uma intensidade elevada com as alemãs a tentarem chegar ao golo desde cedo. Pressionando sempre alto (figura 1) desde o início do jogo até ao final.

Figura 1 - Pressão Alemanha
Figura 1 – Pressão Alemanha

A Alemanha entrou bem no jogo não dando muitas opções à Rússia que se limitava a defender com o bloco baixo (figura 2). Era um jogo controlado e dominado pelas alemãs que embora tenham chegado ao golo cedo continuavam a pressionar alto e a procurar aumentar a vantagem.

Figura 2 - Posicionamento defensivo Rússia
Figura 2 – Posicionamento defensivo Rússia

A seleção russa só defendia e tentava quando podia sair em contra-ataque, mas como mostra a imagem 3 as ocasiões de golo praticamente só existiram para a seleção alemã que procurava sempre aumentar a vantagem, e não fora a boa exibição da guarda-redes russa o resultado podia ter sido bem mais desnivelado.

Figura 3 - Ocasiões para golo
Figura 3 – Ocasiões para golo

Foi um jogo de sentido único e o único aspeto onde a Rússia se conseguiu aproximar da Alemanha foi nas bolas intercetadas, com uma diferença que, enquanto as russas recuperavam muitas bolas na sua zona defensiva as alemãs recuperam em todas as zonas do terreno, maioritariamente no meio-campo (figura 4 e 5).

Figura 4 - Interceções Alemanha
Figura 4 – Interceções Alemanha
Figura 5 - Interceções Rússia
Figura 5 – Interceções Rússia

Embora tenham chegado aos dois golos pela marca da grande penalidade foi um resultado justo que poderia ter sido mais alargado dado o número de oportunidades que as alemãs tiveram. Foi um bom jogo, com sentido único onde Peter e Marozsán, as marcadoras dos dois golos fizeram, assim como praticamente toda a sua equipa uma boa partida.

Vamos esperar para ver o que fazem contra a Dinamarca nos quartas-de-final, já a Rússia acabou a sua prestação neste Europeu.

ale rus6 ale rus7

Holanda vs Inglaterra: Laranja Mecânica ruma à final

Holanda é a segunda finalista deste Europeu após bater por 3-o a Inglaterra. Ao contrário dos outros jogos a seleção inglesa não foi eficaz na finalização e cometeram demasiados erros. A seleção holandesa foi objectiva e justa vencedora do jogo.

[:]