Menu Close
[:pt]

Marlon é o exemplo perfeito do bom trabalho realizado com os meninos de Xerém. Foi encontrado o herdeiro de um dos jogadores mais amados da história do clube e actualmente um dos melhores centrais do mundo, o “monstro” Thiago Silva. No início da carreira jogava uns metros mais à frente como médio defensivo, tal como o seu ídolo, recuou para central.

Central elegante, o seu estilo moderno e a serenidade com que aborda os lances fazem dele um predestinado. Surpreendentemente bom a nível técnico, como o capitão do Paris Saint-Germain, Marlon joga com uma tranquilidade quase irreal para alguém com apenas 20 anos, tem uma extrema confiança com bola, mesmo quando se encontra em situações potencialmente perigosas. Através da sua excelente antecipação e leitura do jogo, aparece sempre no lugar certo para cortar o último passe ou remate. As suas longas pernas interceptam e recuperam várias bolas, raramente opta por fazer falta ou jogar feio. Outras características em destaque são a sua velocidade e o facto de gostar de sair a jogar em passe curto ou progressão com bola. Se existe alguma crítica que possa ser feita é que ele pode parecer demasiado frio e sem pressas, dado que gosta de criar a partir de trás, convida a uma pressão indesejada. É uma estratégia de alto risco que pode deixá-lo exposto, especialmente em ligas que não permitem o mesmo tempo com bola como o Brasileirão.

Foi recentemente emprestado ao FC Barcelona por um ano e deverá jogar pela equipa B do clube catalão, podendo ser chamado a qualquer momento à equipa principal. O empréstimo tem opção de compra fixada em 5 milhões de euros.

marlon

https://www.youtube.com/watch?v=ahdtkyUKhUQ

 

 

 

 

 

 

 

[:]