Menu Close

Moisés Caicedo – A nova estrela do Equador

Mais um jovem talento a sair da academia do Indepediente Del Valle, um dos clubes mais organizados da América do Sul. Moisés Caicedo é um jovem de 19 anos, médio defensivo que pode atuar também como médio centro. Nascido em Santo Domingo, uma das maiores cidades do Equador, começou a jogar no Espoli e Colorados antes de se mudar com 13 anos para o IDV.

Durante a sua formação, fez parte da equipa que conquistou a Copa Mitad del Mundo (competição organizada pelo Independiente del Valle e que conta com algumas das equipas mais prestigiadas da América do Sul) e a Adidas Generation Cup. Ainda assim, o título mais importante que conquistou durante a sua formação foi contra o River Plate, na Copa Libertadores Sub-20.

A sua estreia na equipa principal ocorreu em 2019, num jogo contra o LD Quito onde entrou a faltar 13 minutos para o fim da partida. Nesta temporada, já como elemento importante da equipa, participou em 22 jogos, sendo titular em 17. A nível internacional, já conta com 4 jogos e 1 golo pela seleção A do Equador, onde se tornou o jogador mais jovem de sempre a marcar num jogo de qualificação da CONMEBOL.

Momento Defensivo

Caicedo destaca-se pela sua inteligência, podendo atuar como médio defensivo ou como médio centro. Dependendo da sua posição, consegue trazer ao seu jogo diferentes aspetos.

Na formação atuou maioritariamente como um 6, chegando mesmo por vezes a jogar numa defesa a 3. Como 6, mostra grande capacidade de leitura de jogo, consegue ver o perigo e assim posicionar-se da melhor maneira. Destaca-se também pela capacidade de recuperação e o timing de ataque à bola.

Desde a sua estreia na equipa principal e devido ao posicionamento mais recuado de Pellerano, têm jogado mais como 8. Aqui acrescenta uma capacidade de pressão em zonas mais adiantadas. Devido à energia que traz ao jogo, consegue cobrir grandes zonas do terreno.

Momento Ofensivo

Moisés Caicedo em momento ofensivo destaca-se pela simplicidade e eficácia que dá às suas ações. Gosta de baixar para receber a bola dos centrais, para depois tentar quebrar as linhas do adversário descobrindo companheiros em zonas mais ofensivas ou para ele mesmo progredir com bola.

Têm, como característica muito interessante, uma grande visão periférica do jogo, o que lhe permite encontrar sempre espaços para receber a bola. Mostra também muita calma quando em posse, o que lhe permite tomar as melhores decisões.

Tecnicamente é um jogador com qualidade de passe, tanto curto como longo. Pela sua posição, não arrisca muitos dribles, preferindo assim mover a bola com passes rápidos e procurar espaços onde a possa receber de novo. Quando vê espaço em que pode progredir com bola até zonas mais adiantadas, revela outra característica que é a sua qualidade de remate.

Companheiro de Bruno Fernandes

Moisés Caicedo acaba com estas características, por ser um jogador que vai valer a pena continuar a seguir nos próximos anos. Ainda assim, existem aspetos no seu jogo que deve trabalhar: o seu primeiro toque pode ser mais refinado. No campeonato equatoriano este aspeto não lhe cria problemas, mas na Europa com menos espaço e com jogadores mais agressivos terá certamente de melhorar.

As notícias recentes mostram o Manchester United como um dos clubes mais interessados na contratação do prodígio equatoriano.  A sua adaptação ao clube e ao futebol Inglês poderá levar algum tempo. Mas devido à sua qualidade e inteligência, se assim que chegar a Manchester jogar, irá fazê-lo sem qualquer problema.

Com um valor de mercado de apenas 5M, se chegar ao United por esse valor poderá ser, no futuro, um dos melhores negócios que o gigante inglês fez.