Menu Close

Os 5 melhores das equipas já eliminadas do Euro Sub-17

Como já vem sendo habitual, a ProScout acompanha de perto as competições de seleções jovens, particularmente o Europeu Sub-17. A prova disputa-se em Israel, de 16 de Maio a 1 de Junho (data da final) e reúne os melhores jovens a nível europeu da geração de 2005 (e alguns de 2006). Terminada a fase de grupos, vimos destacar os jogadores que mais se evidenciaram entre as equipas já eliminadas (Israel, Luxemburgo, Polónia, Bulgária, Bélgica, Turquia, Suécia e Escócia).

ENOCK AGYEI | EXTREMO | BÉLGICA | 2005

O jovem extremo do Anderlecht foi uma das referências ofensivas da seleção belga. Trata-se de um extremo esquerdino, irreverente e explosivo. Destaca-se pela capacidade no desequilíbrio individual, através do drible curto e saída em velocidade. Tem um nível execução muito interessante nas ações técnicas no último terço: cruzamento, último passe e remate. Apresenta uma agressividade competitiva assinalável e, embora possa ainda evoluir do ponto de vista da tomada de decisão, é um jogador a acompanhar nos próximos anos.

JARDELL KANGA | MÉDIO OFENSIVO | SUÉCIA | 2005

O criativo chegou esta época ao Bayer Leverkusen, tendo-se destacado no Brommapojkarna (3ª divisão sueca), ao jogar no escalão sénior com apenas 15 anos. Marcou em todos os jogos da fase de grupos, apontado um total de 4 golos. É esquerdino, tem um centro de gravidade baixa e revela muita agilidade que, associada a um bom nível técnico, lhe dá argumentos para sair com qualidade de espaços curtos. Move-se de forma inteligente pelos três corredores do ataque e revela boa leitura dos lances em ações de finalização, para além da qualidade na execução do remate.

MARTIN GEORGIEV | DEFESA CENTRAL | BULGÁRIA | 2005

A Bulgária foi uma das seleções que mais dificuldades revelou em ser competitiva, mas Martin Georgiev foi ainda assim um destaque. Possui uma estrutura física assinalável para a posição que ocupa e índices de concentração e agressividade condizentes com a exigência do futebol sénior. Evidencia-se pela capacidade de desarme e antecipação, demonstrando uma boa leitura dos lances. É forte no jogo aéreo, sendo importante nas bolas paradas ofensivas e defensivas. Embora não revele ainda uma grande variedade de soluções nos momentos de construção, corre poucos riscos e tem um nível de acerto elevado ao nível do passe. O jovem central búlgaro já foi lançado na equipa sénior do Slavia Sofia e apresenta potencialidades para ser um caso sério no futuro. Será reforço do Barcelona para a época 2022/2023.

MIKA GODTS | MÉDIO OFENSIVO | BÉLGICA | 2005

O jovem do Genk é um jogador versátil, podendo ocupar várias posições no meio campo e ataque; atuou como extremo esquerdo, médio ofensivo e avançado. Tem um nível técnico bastante interessante e é muito incisivo na forma como procura progredir em condução de bola. É forte no duelo físico e possui uma velocidade de deslocamento de destaque. Revela grande facilidade no remate, ação que procura com muita frequência. Demonstra uma atitude competitiva acima da média, sendo também competente no momento defensivo.

RORY WILSON | PONTA DE LANÇA | ESCÓCIA | 2006

É o destaque mais jovem (nascido em 2006) e aquele que teve mais dificuldades em se evidenciar, dada a fragilidade da seleção escocesa. O jovem jogador do Rangers teve o papel de referência ofensiva e, apesar de muitas das vezes não ter sido solicitado nas melhores condições, demonstrou argumentos técnicos e físicos de bom nível. É um jogador combativo e revela capacidade de trabalho. Tem uma boa velocidade de deslocamento e é agressivo na forma como ataca os espaços livres. Não sendo propriamente criativo nas soluções que encontra para a equipa, procura geralmente ações simples e é competente a servir os colegas em apoios frontais.

MENÇÕES HONROSAS

  • Arthur Vermeeren | Médio defensivo | Bélgica | 2005
  • Emirhan Acar | Médio ofensivo | Turquia | 2005
  • Elison Makolli | Defesa direito | Suécia | 2005
  • Jorne Spileers | Defesa central | Bélgica | 2005
  • Yan Yusupov | Extremo | Israel | 2005

No final do Europeu Sub-17, iremos lançar o onze ideal da competição.



Para todos os clubes, treinadores, jogadores, olheiros, agentes, empresas e media que queiram saber mais sobre os nossos serviços de scouting, não hesitem em contactar-nos através de mensagem privada ou do nosso email geral@proscout.pt.



Related Posts