Menu Close

Portugueses na Champions – Félix encanta com instinto finalizador

Mais uma jornada de Liga dos Campeões para o Atlético Madrid de João Félix. Frente a um Bayern Munique já apurado, a vitória frente aos bávaros era suficiente para passar aos oitavos, visto que o Salzburgo tinha ganho ao Lokomotiv no jogo da tarde.

João Félix teve mais um jogo interessante pelo Atlético, onde foi parte importante do processo ofensivo da equipa. Sempre à procura de espaço livre para receber, seja entre linhas, intra-jogadores ou até em zonas recuadas. A receção orientada de Félix e a capacidade de executar rapidamente vieram novamente ao de cima, mas houve um aspeto que apareceu mais neste jogo que noutros: o instinto finalizador.

Apesar de ter marcado “apenas” um golo, vimos que Félix procurou muitas vezes a zona de finalização. Fosse para receber um passe ou cruzamento, ou até depois de descobrir um colega, atacou várias vezes esse espaço ao invés de ficar em zona de criação, como é mais costume.

Isto são bons indicativos para Simeone, que para além de já ter um jogador muito desenvolvido em todo o processo de criação, está a trabalhá-lo para ser também um finalizador. No Benfica vimos que João tem capacidade também para isso, mas com o treinador argentino pode elevar essa capacidade para outro patamar.

O Atlético Madrid joga o último encontro da fase de grupos frente ao Salzburgo, fora de casa, e basta um empate para os espanhóis passarem à próxima fase da liga milionária.



Para todos os clubes, treinadores, jogadores, olheiros, agentes, empresas e media que queiram saber mais sobre os nossos serviços de scouting, não hesitem em contactar-nos através de mensagem privada ou do nosso email geral@proscout.pt.