Menu Close

Scouting: Avançado para o leão

Análise de Mercado: como trabalha a ProScout no futebol profissional? Quais os métodos, ferramentas e passos para encontrar soluções viáveis no mercado? Aqui fica um exemplo, onde tentamos encontrar o avançado ideal para o Sporting, com um perfil semelhante a Paulinho.

O Sporting CP atravessa um dos melhores momentos dos últimos anos e o título de campeão começa a reaparecer na órbita do leão. Muito se tem falado sobre a necessidade de reforçar o plantel leonino para atacar o campeonato. A posição de avançado é uma das que apresentam maior necessidade de ser reforçada, mas possivelmente também uma das mais difíceis de reforçar.

Nesse sentido, a ProScout deu início a um trabalho de scouting, na tentativa de encontrar a solução ideal para o Sporting. Baseados na nossa base de dados com mais de 5000 jogadores, fomos filtrando jogador a jogador, com recurso ao Big Data e, posteriormente, a análises individuais, até chegarmos aos cinco nomes finais.

Contexto atual

Atualmente, Rúben Amorim conta com duas opções válidas para a posição de avançado: Andraž Šporar e Tiago Tomás. Juntos, esta temporada, somam 9 golos marcados, dos 40 da equipa.

É sabido do desejo do técnico em poder contar com mais uma opção, diferente das que tem à sua disposição e que seja um avançado à “Rúben Amorim”.

Conhecidas, são também as dificuldades económicas que o clube atravessa, daí que as soluções tenham de ser restringidas pela capacidade financeira que o clube possa ter. Assim, as soluções que apresentamos terão um valor de mercado de, no máximo, 10 milhões de euros.

Paulinho – o desejado

Durante os dois meses que Rúben Amorim esteve ao comando da equipa principal do SC Braga, Paulinho teve um rendimento muito positivo, apontando 6 golos nos 11 jogos com Rúben Amorim.

Com a mudança para Alvalade, Rúben Amorim trouxe consigo o desejo de poder contar com Paulinho no seu plantel. Contudo, desde cedo se percebeu que Paulinho seria um desejo demasiado caro e incomportável para o Sporting. Daí que, chegando ao final do mercado de transferências, os adeptos do leão não tenham visto entrar pela porta 10 A nenhum avançado.

Analisando o modelo de jogo do atual treinador do Sporting e o perfil do avançado que mais rendeu no seu modelo – Paulinho – delineámos um perfil a ter por base nas nossas observações.

Dados estatísticos de Paulinho com Rúben Amorim

No final da nossa análise, é possível apresentar o perfil do avançado pretendido por Rúben Amorim: forte nos apoios e na associação com os colegas através do passe curto; bom entendimento do jogo no último terço do terreno, com versatilidade no seu jogo, sabendo jogar em apoio frontal ou na procura pela profundidade; capacidade de finalização e criação; é um jogador que sabe encontrar espaços dentro da área com facilidade; bom jogo aéreo.

Atual Vs Desejado

Utilizando os dados fornecidos pelo Big Data, colocámos frente a frente Andraž Šporar, Tiago Tomás e Paulinho. Selecionámos, entre os mais variados indicadores, aqueles que melhor representam as necessidades de um avançado, para compreender a prestação de cada um dos jogadores em questão:

xG, dribles, passes-chave certos, oportunidades criadas e remates por jogo em 2020/21
Oportunidades convertidas, passes certos, remates à baliza, dribles c/sucesso, duelos ganhos, duelos ofensivos ganhos, duelos aéreos ganhos e desarmes ganhos por jogo em 2020/21

As soluções do leão

Lucas João

O primeiro jogador que apresentamos é Lucas João. O português joga em Inglaterra, no Championship (2ª divisão), e tem sido um dos destaques do campeonato. Vai na sua sexta época em solo inglês, após ter-se transferido do Nacional da Madeira em 2015.

Com um ótimo crescimento, Lucas João é hoje um avançado muito mais completo do que quando saiu de Portugal. Com facilidade em se associar com os seus companheiros, Lucas João usufrui de uma capacidade de passe e drible muito interessante. Aparece bastante bem em zonas de finalização, tendo apontado 16 golos em 18 jogos esta temporada. Fisicamente é um jogador com boa capacidade no corpo a corpo e com bom poder de aceleração.

Jean-Pierre Nsamé

Jean-Pierre Nsamé é um avançado camaronês que está a implorar para dar o salto. Chegou à Suiça em 2016 para jogar no Servette, da 2ª divisão, onde na primeira época fez 24 golos. Após uma temporada no Servette mudou-se para o Young Boys, sagrando-se campeão e apontando 15 golos. Em 2018/19, marcou 16 golos e em 2019/20, apontou 41 golos em 45 jogos. Esta temporada, em 20 jogos soma já 13 golos marcados.

É um avançado com uma capacidade finalizadora impressionante. Tem presença na área, mas também fora dela, conseguindo desbloquear bastante o jogo da sua equipa. É um avançado que consegue jogar bastante bem de costas para a baliza, procurando, posteriormente, o apoio frontal, mas também consegue explorar a profundidade. Aliando a este bom entendimento do jogo, é um jogador com um bom drible. Apesar dos seus 188cm, é um jogador bastante rápido e dinâmico.

Jonas Wind

Jonas Wind é o jogador mais jovem que apresentamos neste artigo. Com apenas 21 anos de idade, o avançado dinamarquês é titular no FC Copenhagen e é jogador de seleção A. A Escandinávia tem oferecido, nos últimos anos, vários produtos para a frente de ataque e Jonas Wind é mais um.

Em termos físicos, o avançado dinamarquês tem 190cm, sendo bastante forte no jogo aéreo. É um jogador que apresenta uma grande mobilidade na frente de ataque, não se limitando a marcar presença na grande área. Apresenta uma boa capacidade posicional, aliando a bons atributos técnicos, que lhe permitem ter uma capacidade goleadora muito interessante.

Christoffer Nyman

Christoffer Nyman é um avançado sueco de 28 anos. Começou a sua carreira ao nível sénior no IFK Norrköping, tendo apenas uma passagem pelo Eintracht Braunschweig, da Alemanha, em 2016/17 e 2017/18, regressando ao IFK Norrköping em 2018/19.

É um avançado com uma boa capacidade de remate, seja com os pés ou com a cabeça. A sua capacidade de mobilidade na frente de ataque é um dos pontos fortes, conseguindo baixar no terreno de jogo e fazendo parte do processo de construção de jogo da equipa. Esta sua mobilidade é visível também na forma como consegue descair nos corredores e criar oportunidades para os companheiros de equipa.

Thomas Henry

Thomas Henry é um avançado francês, atualmente a jogar no OH Leuven da Bélgica. Fez parte do plantel que subiu à 1ª Divisão Belga na temporada passada, marcando 8 golos. Esta temporada, já na Jupiler League, apontou 13 golos em 18 jogos realizados.

É um jogador que se posiciona muito bem na grande área, mas também consegue sair da zona mais avançada do terreno e ajudar a desbloquear e a ligar o jogo da equipa. Dotado de uma boa capacidade de finalização, com uma percentagem de acerto nos remates à baliza bastante elevada. Apresenta ainda uma boa capacidade de passe e de drible.

Comparativo:

xG, dribles, passes-chave certos, oportunidades criadas e remates por jogo em 2020/21
Oportunidades convertidas, passes certos, remates à baliza, dribles c/sucesso, duelos ganhos, duelos ofensivos ganhos, duelos aéreos ganhos e desarmes ganhos por jogo em 2020/21

Em virtude de procurarmos jogadores com características idênticas, para atuarem na mesma posição, os seus dados estatísticos vão ser muito aproximados uns dos outros.

Análise Final

Após uma análise quantitativa, explorando as inúmeras variantes do Big Data, as cinco escolhas passaram por uma análise qualitativa, com recurso às ferramentas de scouting e observação em vídeo. Numa análise final, é possível concluir que Lucas João e Jean-Pierre Nsamé seriam as melhores opções para o Leão, atendendo às variáveis acima explicadas.

xG, dribles, passes-chave certos, oportunidades criadas e remates por jogo em 2020/21
Oportunidades convertidas, passes certos, remates à baliza, dribles c/sucesso, duelos ganhos, duelos ofensivos ganhos, duelos aéreos ganhos e desarmes ganhos por jogo em 2020/21

Lucas João e Jean-Pierre Nsamé seriam boas oportunidades desportiva e financeiramente. Uma posição que é bastante específica no modelo de jogo de Rúben Amorim e que, como o próprio já referiu, tem de ter um conjunto de características para poder alinhar na sua equipa.



Para todos os clubes, treinadores, jogadores, olheiros, agentes, empresas e media que queiram saber mais sobre os nossos serviços de scouting, não hesitem em contactar-nos através de mensagem privada ou do nosso email geral@proscout.pt.