Menu Close

[:pt]Análise Fenerbahce – adversário SL Benfica [:]

[:pt]Equipa Base

Demirel – Experiente guardião turco de 36 anos e capitão do clube. Demonstra ter qualidade entre os postes e não tem problemas em participar na manobra ofensiva a partir de trás

Isla – Lateral chileno de grande pendor ofensivo. Defende bem mas ataca ainda melhor.

Skrtel – Central experiente que tem qualidade na saída da bola. Forte na marcação e desarme.

Neustadter – Central forte fisicamente mas não muito rápido. Cumpre tacticamente e demonstra uma boa capacidade de passe.

Kaldirim – Lateral esquerdo de cariz ofensivo e com boa capacidade técnica. Gosta de ir à linha onde procura os cruzamentos ou driblar os adversários para entrar na área.

Topal – Médio defensivo forte fisicamente mas com capacidade para construir.

Souza – O antigo médio do FC Porto é um jogador de transições. Liga a defesa ao ataque e é perigoso quando tem espaço à entrada da área. Remata bem.

Ayew – Chegou por empréstimo do Swansea esta temporada e promete ser um dos jogadores mais influentes. O esquerdino consegue desequilibrar facilmente com a sua capacidade técnica. Parte da direita para terrenos interiores.

Valbuena – O médio mais criativo e pensador do jogo no processo ofensivo. Parte da esquerda mas procura zonas interiores.

Giuliano – Pode jogar como médio ofensivo ou avançado mais móvel. Na época passada marcou 15 golos dos quais 14 foram na Liga Turca. Jogador evoluído tecnicamente e com facilidade de aparecer vindo de trás para finalizar.

Soldado – Aos 33 anos ainda continua a ser determinante no clube turco. Apesar da lesão contraída na mão na pré-época deve ser opção contra o SL Benfica. Avançado com facilidade de remate e que consegue ligar bem o jogo da sua equipa.

 

Organização Ofensiva

Rui Vitória descreveu o Fenerbahce de forma resumida na conferência de antevisão do jogo. Uma equipa com duas linhas de 4 jogadores, com os dois extremos a procurarem zonas interiores e os laterais projectados no ataque e dois médios de grande dimensão física com capacidade para defenderem e atacarem com igual qualidade.

Valbuena e Ayew são os grandes desequilibradores desta equipa mas também há Giuliano que tem capacidade para baixar no terreno e ligar jogo. Soldado não pode ter espaço para rematar e os laterais apresentam uma grande propensão ofensiva. Chegam com facilidade ao último terço para cruzarem ou procurarem zonas de finalização. Os dois médios, Topal e Souza, têm capacidade para aparecerem em zona de finalização, principalmente Souza que tem um excelente remate.

Podem ver alguns dos golos marcados pelos turcos nesta pré-época. O padrão é idêntico em muitos golos. Uma equipa que se sente confortável a trocar a bola a partir de trás, envolvendo todos os jogadores. Mobilidade constante e procura do espaço interior pelos extremos com os laterais bem subidos no terreno.

https://youtu.be/PJqSmj3hBB8

 

 

Facilidade para trocarem a bola a partir de trás e procura constante de linhas de passe.

Organização Defensiva

No aspecto defensivo, o clube orientado por Phillip Cocu pressiona alto e de forma constante no terreno. Reagem rapidamente à perda de bola e procuram condicionar as saídas rápidas dos adversários. Se não conseguirem recuperar logo a bola, juntam os blocos e formam duas linhas bem definidas de 4 jogadores. Blocos compactos e juntos com dificuldade para a equipa contrária penetrar, a não ser através dos corredores ou remates de longe.

Vídeo e imagem sobre o momento de pressão dos turcos.

Estes são alguns dos lances em que o Fenerbahce permitiu às equipas contrárias nesta pré-época rematarem à sua baliza. Concedem espaços nos corredores, principalmente depois das subidas dos laterais, ou seja, o momento de transição defensiva do Fenerbahce deve ser explorado porque demoram a recuperar e se a bola passar na primeira zona de pressão deixam muitos espaços entre os sectores.

Alguns dos golos que o clube turco sofreu esta pré-época contra equipas como o Cagliari e Feyenoord. Alguns lances demonstram as dificuldades que o Fenerbahce sente em transições defensivas.

https://youtu.be/l4jJCXLn8Ig

 [:]