Menu Close

Considerado um produto da Academia de Alcochete, natural de Lisboa, onde nasceu a 9 de Julho de 1995, à 24 primaveras atrás portanto. Contudo, faz grande parte da sua formação no Sacavenense, dando mais tarde o salto para o Sporting, já nos sub 19, e é já na época seguinte que começa a integrar a sua equipa B.

Com as portas da equipa principal leonina fechadas, faz a primeira metade da época de 2015/2016 no Moreirense e a segunda metade no Belenenses SAD, somando minutos de jogo suficientes para lhe garantir um lugar no plantel principal de Alvalade no ano seguinte. No entanto, as oportunidades escassearam, até que há duas épocas transfere-se para o Sporting Clube de Braga, assumindo-se como figura de proa dos Arsenalistas, ganhando inclusive a titularidade e ajudando já à conquista de um título (Taça da Liga).

João Palhinha assume-se mesmo como uma peça chave do meio campo dos Arcebispos, não sendo um jogador a que se exigirá grandes recortes técnicos ou participação ofensiva, pois procura essencialmente na primeira fase de construção de jogo (onde a par das bolas paradas ofensivas, mais intervém) jogar simples, mas de forma extremamente eficaz, sem comprometer.

Todavia, é defensivamente a sua real mais valia, pois consegue aliar um grande sentido posicional, a uma excelente leitura tática defensiva do jogo, deixando sempre a ideia de estar no sítio certo, no momento certo. Boa capacidade de desarme e sentido de antecipação dos lances, bom jogo aéreo, não hesitando em recorrer às chamadas “faltas inteligentes” para impedir possíveis contra-ataques adversários, sabendo analisar com exatidão quando estes possam causar danos defensivos na sua equipa.

Além da sua posição de origem como médio defensivo, pode sem problema algum, em determinados jogos, cumprir na posição de defesa central sem comprometer.

Jogador esguio, robusto fisicamente com 1,90 metros de altura e 83 kg, não sendo um jogador lento.

Encontra-se, segundo o site Transfermarkt, avaliado em 6 milhões de euros.

Um possível regresso aos leões de Alvalade tem vindo a ser veiculado à já algum tempo pela comunicação social, fruto da excelente época que se encontra a protagonizar, aliada agora à oficialização do seu ex técnico bracarense Ruben Amorim, como treinador principal do Sporting Clube de Portugal, o qual não abdicava dos seus serviços no curto espaço de tempo em que trabalharam juntos.

Uma coisa é certa, Palhinha parece estar talhado para vir, num curto espaço de tempo, a ser “jogador de equipa grande”, faltando apenas saber se em Portugal ou num outro qualquer clube europeu.